Jean-Louis-Henri Le Secq des Tournelles (1818-1882). De família nobre, foi um dos cinco fotógrafos integrante das  Missions Héliographiques, contratados pelo governo francês para registrar o patrimônio arquitetônico histórico da França. Pintor, seu interesse pela fotografia surgiu logo quando da divulgação da daguerreotipia. Trabalhou com Gustave Le Gray, com quem aprendeu a técnica do papel encerado e se manteve ativo, como fotógrafo, até 1856 quando retornou à pintura e ao colecionismo de objetos medievais de ferro.

Tendo feito suas melhores imagens usando o processo da calotipia, por volta de 1870, temendo questões relativas a permanência dos negativos originais, Le Secq os reproduziu usando a cianotipia, processo já reconhecido na época por sua estabilidade.

Henri Le Secq portrait.jpg

Henri Le Secq, fotografado por Gustave Le Gray.

Resultado de imagem para henri lesecq cyanotypes                                      Catedral de Cartres. Cianotipia feita a partir de calótipo. Henri Le Secq.

 

Anúncios