Quando se fala em revelar um filme ou papeis a primeira coisa na qual se pensa é no revelador, no entanto o revelação é somente o início do processo. As duas outras etapas que a seguem são tão importantes quanto ela. Um banho de interrupção fora da dosagem exata  ou uma fixação mal executada podem arruinar uma excelente fotografia revelada com todo o cuidado.

Na execução dos testes feitos com o processo lumen print, por não ter mais tiossulfato para fazer meu próprio fixador nem ter como adquirir um fixador fotográfico pronto, utilizei um fixador comercial de uso odontológico (para filmes de raio-x), tendo o cuidado de ler com bastante atenção os componentes que entravam em sua fórmula antes de me decidir a usá-lo.

Assim, para quem quiser fazer o seu próprio fixador, seguem algumas informações.

O fixador fotográfico é a química usada na etapa final do processamento de filmes e papeis fotográficos. Sua função é a de remover os haletos de prata que ainda não reagiram com a luz deixando sobre o filme ou papel somente a prata, reduzida ao seu estado metálico, que forma a imagem, sem ele, os haletos de prata contiuariam a reagir com a luz levando a um total escurecimento da imagem revelada.

O principal sal utilizado na fabricação dos fixadores fotográficos é o tiossulfato. Originalmente a ação dos tiossulfatos sobre os haletos de prata não expostos foi descoberta por Herschel que utilizou o tiossulfato de sódio (na nomenclatura antiga, hipossulfito de sódio).

Atualmente na formulação de fixadores rápidos o tiossulfato de sódio deu lugar ao tiossulfato de amônea, no entanto ambos podem ser usados em conjunto.

Em que pese poder o tiossulfato ser usado isoladamente com agente fixador, alguns outros compostos podem ser juntados à solução para aumentar-lhe a eficiência.

O Sulfito de sódio que age como antioxidante e coadjuvante do tiossulfato acelerando a retirada dos haletos não expostos e o metabissulfito de sódio atua como antioxidante, preservando a solução por mais tempo.

Abaixo, a fórmula e o modo de preparo de um fixador a base de tiossulfato de sódio para uso geral em papeis fotográficos. Como não contém qualquer agente endurecedor, não se recomenda seu uso para a fixação de filmes.

Em 500 ml de água morna dissolva 240 gramas de tiossulfato de sódio pentahidratado (se estiver usando a forma anidra, 152 gramas). Quando o tiossulfato estiver completamente dissolvido, adicione 10 gramas de sulfito de sódio anidro e agite até a completa dissolução. Finalmente junte 22 gramas de metabissulfito de sódio e complete com água até o volume de 1 litro. Esse fixador pode ser guardado sem uso por, aproximadamente, 3 mêses.

Use, sem diluição, em dois banhos de cinco minutos cada um. A fixação da imagem se inicia no primeiro banho que receberá a maior parte dos resíduos do revelador e do banho de interrupção. O segundo banho, menos contaminado, terminará o processo

About these ads